O ano de 2018 no papel

26.10.2017

Fernando Barbosa, responsável pelo planejamento do Inter SM

 

 

Chegamos em tempos que o planejamento é a palavra do futebol. Já não se pode pensar no futebol como presente, é preciso enxergar além. O planejamento é pensar no futuro, detalhando futuras decisões sem que nenhuma etapa seja esquecida, realizando um diagnóstico detalhado de todos os departamentos e as suas ações a serem feitas.

 

Pensando na organização do seu futuro, o E.C. Internacional criou o Departamento de Planejamento do clube. O responsável por realizar esse planejamento é Fernando Barbosa, formado em Ciências da Computação, com MBA em Gestão Empresarial e MBA em Gestão de Projetos. Barbosa já trabalha há anos com o planejamento de empresas, possuindo bastante experiência no meio.

 

Para Fernando, o futebol do interior ainda não está habituado com a cultura de planejamento. Porém, com o momento em que estamos vivendo, inevitavelmente irá acontecer uma escolha dos clubes que irão sobreviver no meio, já que cada vez mais há espaço para poucos no mercado. Acredita que os clubes que conseguirem a organização de uma forma mais próxima ao profissionalismo vão ter o diferencial, como no caso do alvirrubro:

 

– O momento em que o Inter SM está passando é que a diretoria tem uma proposta de estruturar e levar o clube o mais próximo da profissionalização possível. Acho que é o primeiro passo e bem acertado. Acredito que sem isso (o planejamento), os clubes que não souberem atuar dessa forma vão ficar para trás. O Inter SM ao contrário está investindo nisso e tem tudo para ter um bom resultado nos próximos anos.

 

O planejamento do clube está passando por três etapas. A primeira é planejar o orçamento para projetar as receitas e despesas. A segunda etapa é estudar quem é o público-alvo, o perfil de quem vai ao estádio, dos potenciais sócios, assim como, o que se pode entregar de valor para esses diferentes púbicos, junto disso, a avaliação das propostas que serão levadas aos parceiros. Já a etapa final, é o planejamento das atividades a serem desenvolvidas ao longo de 2018.

 

– É importante dizer que o clube não está parado enquanto se está fazendo o planejamento. A diretoria está trabalhando, indo atrás e fazendo os contatos. As coisas estão andando, seja na área de parceiros, comissão técnica e elenco. Tudo isso está andando em paralelo.

 

O Departamento de Planejamento optou pelo trabalho a curto prazo, focando somente nas ações a serem realizadas no próximo ano, pois prefere não deixar a desejar no requisito a curto prazo, para que se possa ter um bom 2018. E com isso, a base de trabalho que deixar em 2018 vai permitir que se planeje o clube para os próximos anos.

 

 

Para trabalhar no planejamento, reuniões estão sendo realizadas semanalmente para se discutir as atividades. Com a estruturação do orçamento do clube em 2018, projeta-se as receitas e despesas, avaliando os cenários – otimista, pessimista, que se vá até a final da Divisão de Acesso ou não –, o quanto se pode ter de receita nas diferentes situações. Com este planejamento, muito provavelmente o clube não estará gerando novas dividas nos próximos anos.

 

O responsável pelo planejamento ressalta que a diferença em se projetar o trabalho em um clube de futebol para outra empresa é o resultado de campo:

 

– Tudo o que a gente planeja tem que prever que o resultado de campo pode interferir. Há qualquer momento um bom planejamento não garante um bom resultado de campo, já em uma empresa em uma forma geral, provavelmente irá se fazer um bom planejamento e as coisas não irão dar tão erradas. Já no futebol as coisas são uma montanha-russa.

 

Por tudo isso é de fundamental importância se planejar o futuro do clube. O Inter SM dá um passo importante ao criar o Departamento de Planejamento, dessa forma começa executando com êxito o seu trabalho em 2018.

 

Texto e fotos: Renata Medina / Assessoria E.C.I

 

Please reload

Esporte Clube Internacional

R. Ana Nery, 390 - CEP: 97020-030 - Santa Maria/RS

(55) 3026.7180 - intersmoficial@gmail.com